Número total de visualizações de página

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

“A Qualidade de Vida dos Idosos em Góis”

“A Qualidade de Vida dos Idosos em Góis”

Casa do Concelho de Góis
Associação Regionalista de Melhoramentos, Propaganda, Cultura e Assistência


Freguesias: Alvares – Cadafaz – Colmeal – Góis – Vila Nova do Ceira

 
******************************************************************************

De acordo com o plano de actividades proposto para o ano de 2011, vai o Conselho Regional da Casa do Concelho de Góis realizar no próximo dia 22 de Outubro pelas 15:00 horas, na sua sede, sita na Rua de Santa Marta 47, R/C Dto. em Lisboa, um dia dedicado à:

“A Qualidade de Vida dos Idosos em Góis”
Programa:

Painel A:

 
O Papel dos Técnicos de Saúde- O Estado da Arte e Perspectivas de Evolução Futura
  • Dra. Cláudia Pinto, Médica, Coordenadora do Cento de Saúde, Góis
  • Dr. José Coroa e Dra Ana Coroa, Farmacêuticos, Farmácia Coroa, Góis; Farmácia da Serra, Alvares e Cortes Pharma, Cortes. 
  • Enfa. Isabel Afonso, Enfermeira, Centro de Saúde, Góis 
  • Prof. Carlos Poiares, Psicologia Forense, Universidade Lusófona, Lisboa
Painel B:
Assistência Social, Urgência, Ambulatória e Residencial - Situação actual e Perspectivas de Evolução Futura.
  • Comandante Francisco Dias, Bombeiros Voluntários, Góis 
  • José Serra, Provedor, Santa Casa da Misericórdia, Góis 
  • A designar, Direcção, Centro Paroquial de Solidariedade Social de Alvares 
  • Francisco Gomes, Direcção, Centro Social Rocha Barros 
  • Dra. Lurdes Castanheira, Presidente, Câmara Municipal, Góis
 
 
 Convidamos desde já todos os Goienses a estarem presentes, pois pretendemos com esta sessão proporcionar uma visão global sobre aassistência aos idosos no Concelho de Góis, carências sentidas e perspectivas de melhoria da qualidade de vida no futuro.

O Conselho Regional
tags: casa do concelho de gois


publicado por penedo às 23:37

link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Adicionar ao SAPO Tags | Blogar isto

Sem comentários:

A MINHA ALDEIA

" Da minha aldeia vejo quando da terra se pode ver no Universo....
Por isso a minha aldeia é grande como outra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista a chave,
Escondem o horizonte, empurram nosso olhar para longe de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a única riqueza é ver. "
Alberto Caeiro, em "O Guardador de Rebanhos"