Número total de visualizações de página

terça-feira, 27 de outubro de 2009

"OS OBSTÁCULOS"

Não é fácil manter-se a calma nos momentos em que vemos as nossas perspectivas bloqueadas por impedimentos e demais dificuldades, obrigando-nos a estacionar, longa ou brevemente, na mesma situação.

No entanto, por mais que nos pareça ela é interminável, é possível seguir em frente, contorná-la da melhor maneira possível, transformá-la, até, em proveitosa lição para as nossas nossa vida.

Surgem os problemas para nos fortalecer, aguçar os nossos sentidos, nos abastecer de ânimo e confiança para jornadas futuras, talvez mais ásperas e definitivas.

Os obstáculos são mestres valiosos.
Saibamos enfrentá-los, aprendendo com eles...

Sem comentários:

A MINHA ALDEIA

" Da minha aldeia vejo quando da terra se pode ver no Universo....
Por isso a minha aldeia é grande como outra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista a chave,
Escondem o horizonte, empurram nosso olhar para longe de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a única riqueza é ver. "
Alberto Caeiro, em "O Guardador de Rebanhos"